Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

O Pai Quinzenal

O dia a dia de alguém armado em pai emprestado... semana sim, semana não.

O dia a dia de alguém armado em pai emprestado... semana sim, semana não.

16
Set14

Está frio...


José Guimarães

espacovaziocadeira_opaiquinzenal.png

 

Hoje estou sozinho. Aliás, já estava ontem. Os miúdos estão com o pai. A mãe viajou ontem em trabalho e só regressa esta noite. Parece ridículo, porque é só uma noite, mas sinto a falta dela. Como sinto a falta da miúda. E como sinto a falta do rapaz. É nestes momentos que nos damos conta que são tantas as vezes que sentimos a falta de alguém e não lhe dizemos. E mais tarde quando não os temos, aí já passou a oportunidade. Hoje, em casa, ouve-se tudo. Tudo menos o barulho da casa. Quando estão cá, mesmo que estejam todos em silêncio, a presença deles preenche. Na verdade nem precisam de estar em casa. Basta estarem por perto. Como se o espaço que eles ocupam nos chegasse aos ouvidos. Porque eles preenchem a casa e preenchem-me o coração. Já falta pouco para estarem de volta. "Without a family, man, alone in the world, trembles with the cold."  - André Maurois ("Sem uma família, o homem, sozinho no mundo, treme com o frio.")

Sobre mim

foto do autor

Pesquisar

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Comentários recentes

Arquivo

    1. 2017
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2016
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2015
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D
    1. 2014
    2. J
    3. F
    4. M
    5. A
    6. M
    7. J
    8. J
    9. A
    10. S
    11. O
    12. N
    13. D